• Maedra

As Cartas da Avó Lola

Paola – E com quem ficaste no quarto, hem? Ainda não me disseste! Espero que com um piqueno giro, jovem de cabeça e espírito e com muito humor, para te fazer rir e parares com esse mau humor. Ainda por cima agora, com duas pernas partidas não há quem te ature  :))))))))))))


Lola – Não fiquei com um piqueno. Foi mesmo com uma piquena. Eu até que nem me importava, mas evidentemente que nenhum lar permite quartos com dois sexos, a não ser que seja um casal. Fiquei com a Mª de Lurdes. É uma mulher muito bonita, ainda jovem para estar aqui, mas muito depressiva e com muito pouco poder sobre si! Não sei nada sobre ela. Praticamente não fala. Anda sempre cabisbaixa, parece envergonhada a querer esconder-se do mundo. Com ela, anda sempre uma outra mulher que fala pelos cotovelos. Chama-se Tânia e parece saída de um filme.

É muito engraçado a heterogeneidade do público que frequenta este lar.

Na mesa das refeições fiquei com três pessoas – o João, o Francisco e a Conceição.

O João tem 65 anos, autónomo e independente, está no lar por vontade própria. Está pouco tempo no lar durante o dia. Faz as refeições, passeia, frequenta a Universidade Sénior e convive muito. Faz teatro, pertence a um coro, a um grupo de danças de salão e ajuda a equipa de animação a fazer o boletim mensal. Um boletim que relata as actividades que se fizeram durante o mês, os aniversários, umas receitas e pouco mais.

Não percebo porque é que os técnicos não aproveitam estes boletins para também informar/formar a população sobre as questões relacionadas com o envelhecimento, aconselhar famílias cuidadoras ou até trabalhar auto-estima  dos seniores!



0 visualização

Avenida Eng. Duarte Pacheco nº 3 A,

2640-476 Mafra

Contacte-nos

92 806 25 17

Gostaste do que leste? Partilha-o:

Visita também as nossas redes sociais

  • Branco Facebook Ícone
  • Branca Ícone Instagram
  • Branco Twitter Ícone
  • Branca ícone do YouTube